segunda-feira, 31 de maio de 2010

Culto de Missões - Realizado em 30\05\2010 - Participação das crianças


Inicio da apresentação, tema: Abraão.








Abraão e Sara com o pequeno Isaque.












E após a apresentação, todos na salinha para aprender mais sobre a palavra de Deus.








domingo, 30 de maio de 2010

Selinho Master Blog


Selinho que ganhei da amiga Patricia do blog Mimos e Travessuras de Criança, obrigada.
Ofereço a todas as amigas/seguidoras do blog, a amizade de vocês não tem preço.

A NUVENZINHA TRISTE



A NUVENZINHA TRISTE

1-Vocês já olharam o céu? Já viram quantas nuvens? Elas são branquinhas como algodão. A sua casa é no céu. Lá moram muitas nuvens. Elas mudam de forma quando o vento sopra. Elas vão se ajuntando e se parecem com pessoas, animais, árvores, estrelas e com muitas coisas mais.
Mas havia uma nuvenzinha muito triste. Ela já estava cansada de ser nuvem. Ela não estava feliz por Deus tê-la criado sendo uma nuvem.
2- Então ela viu uma borboleta colorida voando, voando. E ela pensou:
- Eu poderia ser uma borboleta!
Ela se espichou daqui e dali e...
3- Logo se transformou numa borboleta. Que bom! Agora ela parecia com uma borboleta. Ela podia voar pra lá e pra cá. Mas, a borboleta não podia voar mais alto. E ela então se cansou de ser borboleta.
4- Mais tarde, ela viu um avião a jato voando pelos ares. E ela pensou:
- Eu poderia ser um avião a jato para viajar a muitos lugares!
5- E ela se espichou daqui e dali, transformando-se em um avião a jato. Agora sim ela poderia ser feliz. Afinal, agora ela poderia voar bem alto, conhecer muitos lugares, muitas pessoas. Mas, ela logo se cansou de voar, de ir para longe das outras nuvens. Ela ficava tão sozinha!
6- Então ela viu um balão colorido. Ela ficou impressionada com a altura que ele voava, era tão bonito e voava tão alto! As crianças riam e brincavam com ele, parecendo tão felizes!
A nuvenzinha resolveu então ser um balão.
7- Foi se espichando dali e daqui, até que se transformou num balão. E quando o vento soprava, o balão voava bem alto. Mas ela se cansou de ser balão. As crianças não se alegravam mais com ela!
8- E numa noite, ela viu a lua brilhando no céu. Ela também quis ser lua.
9- Espichou daqui e dali, ela se transformou numa lua bem bonita. Mas, a vida da lua não era muito boa. E, ela, se cansou de ser lua.
A nuvenzinha já estava desanimada por procurar ser tanta coisa e não conseguir ser feliz.
As outras nuvens começaram a conversar com ela, para saber a razão de sua tristeza. Então ela explicou que já havia transformado em tantas coisas e nada havia lhe trazido alegria.
10- Então ela começou a chorar. Suas lágrimas foram caindo, caindo... como gotinhas de água em cima da terra, do campo, das flores e logo o capim foi crescendo e ficando verdinho, as flores foram se abrindo alegrando o jardim.
11- E a nuvenzinha foi ficando alegre e compreendendo como era importante ser uma nuvenzinha. Ela já não queria ser outra coisa. A borboleta, o avião. O balão, a lua, cada um tinha sua função, cada um era importante.
Por isso devemos ser felizes como Deus nos fez. Nós somos importantes também.
A nuvenzinha descobriu como era maravilhoso ser uma nuvem. Deus criou a nuvenzinha para nos dar chuva, que molha a terra, o campo, dando alimento para as pessoas e os animais. Assim através de suas gotinhas ela descobriu que podia alegrar muita gente e se tornou feliz.

fonte: escoladominical.net/forum


sábado, 29 de maio de 2010

Hillsong Kids - Blessed

Selinho Seu Blog quem conhece não desgruda.


Mais um selinho lindo que ganhei da amiga Anninha do blog Palavras Soltas.
Obrigada.



sexta-feira, 28 de maio de 2010

Série os Bichos da Bíblia - Cavalos de fogo

(Tenha figuras de cavalos, charrete e carroca)
Os cavalos sempre foram ultilizados para o transporte de pessoas. Quem de vocês já andou a cavalo? (Permitir respostas)
Mas os cavalos também ajudam os homens a transportar seus pertences. Quem de vocês já andou de carrosa ou charrete? Também existem os cavalos que não deixam que as pessoas montem neles, são chamados de cavalos xucros ou selvagens. Há aqueles que são treinados para correr, que são os cavalos de corrida.
“Relâmpago” era um bonito cavalo selvagem. Ele vivia com seu bando e assim, corriam e pastavam onde desejavam. Mas um dia, um homem apareceu e lhe ofereceu algumas cenouras bem gostosas; eram docinhas e crocantes. Hummm, como ele gostou das cenouras! Ele queria saber onde tinha mais dessas cenouras e por isso seguiu o homem até a sua fazenda.
Dai em diante, Relâmpago foi treinado e se tornou um otimo cavalo. E, como ele era o cavalo mais veloz das redondezas, ganhou esse nome – relâmpago.
Ele morava numa escola de profetas, onde havia vários jovens que queriam aprender mais sobre Deus e queriam trabalhar para Ele.
Sempre visitava aquela escola, um homem muito especial a quem todos escutavam com muita atenção; seu nome era Elias, o profeta.
Um dia, alguns estudantes começaram a comentar que, certa vez, Elias fez com que não chovesse por três anos e meio. Eles se lembravam como não havia água nem comida. Elias teve a coragem de enfrentar o rei Acabe e sua esposa, a malvada Jezabel, os quais eram muito cruéis e obrigavam as pessoas a adorar idolos. Também que Elias sozinho havia desafiado 450 profetas de Baal para ver qual Deus era o verdadeiro e naquela ocasião, desceu fogo do céu. Lembravam também que em outra ocasião, Elias orou sete vezes até que Deus mandou chuva, e ainda outra vez quando, por sua oração dois capitães e seus soldados foram destruídos.
Todos pensaram: Elias deve ser muito amigo de Deus, pois Deus sempre atende as suas orações!...
Então um dia aconteceu algo estranho. Todos os estudantes daquela escola queriam acompanhar Elias e seu servo Eliseu; Relâmpago também foi.
Alguns estudantes foram a cavalo e outros em carroças. Mas, parecia que eles estavam se escondendo de Elias, pois iam bem distante do profeta.
Relâmpago viu quando Elias ordenou que as águas do rio Jordão se abrissem e Elias e seu amigo, o profeta Eliseu passaram pelo meio do rio, sem molhar os pés.
Como a caravana de estudantes vinha bem longe, quando eles chegaram, Relâmpago teve que nadar bastante para conseguir atravessar o rio Jordão.
De repente, o cavalo parou assustado. Estaria ele entendendo o que acontecera? Todos os estudantes pararam e ficaram olhando para cima, de boca aberta.
Uma carruagem com cavalos estava levando o profeta Elias! Mas não era uma carruagem comum puxadas por cavalos como Relâmpago. Não! Pareciam cavalos de fogo de tanto que brilhavam. E sabe para onde estava indo a carruagem? Para o céu...
Ao voltarem para a escola, naquele dia, todos iam consersando sobre o que haviam visto.
Agora, realmente estavam convencidos de que o profeta Elias era muito, mas muito amigo de Deus, tão amigo, que Deus mandou Seus cavalos buscá-lo, para que Elias pudesse viver com Ele no céu.
Vocês sabam que em breve os amigos de Deus, assim como Elias, serão levados para o céu? Só que quem virá buscá-los será o proprio Jesus com os seus anjos.
Vocês estão preperados para esta viagem? Vamos orar para que Jesus venha logo nos buscar.

fonte:advir.com/historiasbiblicas/


Selinhos :D


Mais uma vez ganhei este selinho, desta vez da amiga Cristiane do blog Infinito da Cris.
Obrigada.



Selinho que ganhei da amiga Maristela do blog Abraço Amigo.
Obrigada.




Selinho que ganhei da amiga Fernanda do blog Nannda Arte em E.V.A
Obrigada.


domingo, 23 de maio de 2010

Selinhos, é muito bom receber este carinho de amigas :D




A amiga Anninha do blog Palavras Soltas está comemorando a marca das 37.000 visitas.
Parabéns.








Selinhos que ganhei da amiga Daniele do blog Ler Doce Ler Produções.
Obrigada.
Ofereço a todas amigas e seguidoras do blog, vocês fazem a diferença neste espaço.



sexta-feira, 21 de maio de 2010

Para colorir










quarta-feira, 19 de maio de 2010

Série os Bichos da Bíblia - Jumentas deserdoras

(Leve uma gravura de jumento ou de madeira) Era um jumentinho muito esperto. Ele gostava de saber sempre o que estava acontecendo.
Naquele dia, duas de suas irmãs fugiram pela porteira aberta. Na realidade, elas estavam pastando e foram se afastando cada vez mais da fazenda.
A princípio, parecia que elas estavam apenas passeando, mas quando chegou a noite elas ficaram fora e não puderam dormir abrigadas no celeiro. Foi assim que nosso jumentinho começou a se preocupar, temendo que elas estavam perdidas.Onde estariam agora?
Mesmo sendo adultas!... Não deviam temer! Elas já mediam 1,30m. Eram bem altas, além do mais, eram muito fortes, já que trabalhavam no campo, ajudando seus donos a arar a terra.
No dia seguinte, depois de muito procurá-las, ouviu-se o dono da fazenda despedindo-se de seu filho Saul e um empregado que iriam buscar as jumentas fujonas.
-Que bom seria para o jumentinho de nossa história! Saul era um homem alto e muito bonito.
Era o jovem mais lindo de Israel. Como era muito inteligente e também muito esperto, com certeza, logo encontraria essas jumentas perdidas.
Mas os dias foram se passando e ninguém recebia notícia nem de Saul, nem de seu servo e muito menos das jumentas.
Você pode imaginar a alegria de nosso jumentinho, no dia em que viu suas irmãs entrando pela porteira? Elas estavam de volta a casa. Haviam sido encontradas por alguém e levadas de volta ao estábulo.
Porém, ouviu-se falar que o senhor Quis, pai de Saul, estava muito preocupado, porque seu filho e seu servo eram os que agora estavam desaparecidos. Ninguém sabia onde estavam. E se eles tivessem sido atacados por algum animal selvagem?
Finalmente, depois de um longo tempo, nosso jumento começou a agitar-se de alegria. Saul estava de volta e seu pai correu para encontrá-lo.
Saul contou ao pai que depois de muito procurar as jumentas e não as ter encontrado, fora até a casa do profeta Samuel para pedir-lhe que perguntasse a Deus sobre as jumentas.
Como o jumentinho estava feliz! Deus Se preocupa até mesmo com jumentas perdidas.
Sabem crianças, quando Saul foi consultar o profeta Samuel para saber de suas jumentas, Deus o escolheu para ser o primeiro rei de Israel.
A Bíblia diz que aquele que cuida de seus animais é homem justo e bom, mas não se diz o mesmo com os que tratam mal os animaizinhos.
Deus jamais colocaria como rei sobre o Seu povo a um homem cruel.
Você quer ser alguém importante? Gostaria de ser um governador, um prefeito, um diretor de escola ou um pastor? Trate bem os animais e Jesus o ajudará a se tornar aquilo que é melhor para você.
Vamos orar pedindo a Deus que nos faça bons com as pessoas e com os animais.

fonte: advir.com/historiasbiblicas/

terça-feira, 18 de maio de 2010

Selinhos eu amo ganhar :D






Selinhos que ganhei da amiga Simone Guedes do blog Cantinho Doce Magia.
Obrigada.




Mais uma vez ganhei este selinho desta vez da amiga Telva do blog Eterno Aprendiz. Obrigada.



Mais uma vez ganhei este selinho, desta vez da amiga Simone Aline do blog Cantinho da Si de tudo um pouco. Obrigada.


sábado, 15 de maio de 2010

Série os Bichos da Bíblia - Ratos de ouro

(Tenha uma gravura de rato ou um rato de borracha)
Este é um rato muito grande e gordo. Ele vive na roça, mas gosta de entrar nas casas para comer comida de gente. Ele gosta de bolo, de pão, de queijo e tudo mais que encontrar pelo caminho.
Um dia, o rato de nossa história bíblica viu de dentro de sua toca, no buraco na parede da casa em que ele morava, uma grande quantidade de outros ratos. O rato da história não gostou nada disso. Com tantos por ali, iria faltar alimento...
O pior de tudo é que os ratos foram entrando e se entocando pela casa, como quem vem para ficar. Eles subiam pelas paredes, mergulhavam na sopa e saltavam de um lado para o outro.
O rato “.......................”até houvesse querido avisar aos donos da casa sobre o que estava acontecendo, mas isto era impossível! O mesmo estava acontecendo em cada casa da cidade! Em todas elas se ouviam os gritos das mulheres e o barulho dos homens, jogando objetos contra os ratos.
Logo, muita gente adoecer. Era doença transmitida justamente por aqueles ratos invasores. Daí, foi feita uma reunião na cidade para acabar com os ratos invasores.
Aquilo era, sem dúvida, uma praga e a razão de suas doenças era por castigo divino. Querem saber o motivo? O povo da cidade cidade havia lutado contra o povo de Deus e os tinha vencido. Eles disseram que haviam roubado a arca de Deus dos israelitas e que, desde então essas coisas estavam acontecendo. Todos os filisteus agora temiam permanecer com a arca de Israel.
Os soldados filisteus deveriam levar a arca de volta para sua terra e, juntamente com ela, cinco ratos feitos de ouro. Isso era motivo de risos, porque justamente os deus dos filisteus era chamado Dagon que tinha corpo de peixe e cabeça de homem. Os filisteus diziam que Dagon era mais poderoso que o Deus de Israel.
Imaginem só que ousadia! Porém,tão logo a arca foi devolvida ao povo de Deus, todas as pessoas sararam, os ratos desapareceram e a vida voltou ao normal.
Deus sente prazer em cuidar de nós e até mesmo impedir que venhamos a ficar doentes. Porém, precisamos fazer aquilo que Ele nos manda, para que Deus possa nos abençoar.
Quando desobedecemos às ordens de Deus, como por exemplo, deixando de comer alimentos saudáveis, podemos adoecer, como aconteceu com os filisteus.
Vamos orar hoje pedindo a Jesus que nos ajude a escolher somente alimentos saudáveis como frutas, arroz, feijão, saladas, etc e deixando de lado os doces, sorvetes e refrigerantes, para que possamos ser sempre saudáveis.

fonte: advir.com/historiasbiblicas


Selinho Para este blog eu tiro o Chapéu


Selinho que ganhei da amiga Anninha do blog Palavras Soltas.
Obrigada querida.



quinta-feira, 13 de maio de 2010

Smilinguido - Rainha por um dia





 

A criança no coração de Deus Copyright © 2011 Designed by Ipietoon Blogger Template and web hosting