quinta-feira, 13 de setembro de 2012

A alegoria das ferramentas

Há muito tempo atrás, em uma carpintaria, quando todo o trabalho havia acabado, as ferramentas começaram a conversar entre si. Elas discutiam para saber qual delas era a mais importante para o carpinteiro.
O Sr. Martelo começou: Certamente que sou eu o mais importante para o carpinteiro! Sem mim os móveis não ficariam de pé, pois eu tenho que martelar os pregos!
O Sr. Serrote logo quis dar a sua opinião: Você Sr. Martelo? Você não pode ser! Seu barulho é horrível! É ensurdecedor ficar ouvindo toc, toc, toc… O mais importante sou eu! O serrote! Sem mim, como o carpinteiro serra a madeira? Eu sou o melhor!
Não, não, não! Falou a dona Lixa: Eu sim sou a melhor! Se não fosse eu os móveis não seriam tão lisinhos e perfeitos! Eu sou a mais importante!
Ah! mais não é mesmo! disse a dona Plaina: Eu é quem deixo tudo retinho, e tiro as imperfeições da madeira. Eu sim sou a indispensável…
Tsc, tsc, tsc… Nada disso, disse a dona Chave de Fenda: Se não fosse eu, como o carpinteiro iria apertar os parafusos? Eu sim sou a melhor!
Ah! não! Que absurdo! disse o Sr. Esquadro: Eu sou o mais importante! Sem mim os móveis ficariam tortos! O carpinteiro nem saberia a medida. Eu sou o mais importante!
As ferramentas ficaram discutindo até o dia amanhecer…
O carpinteiro chegou para trabalhar, colocou sobre a mesa a planta de um móvel e começou a trabalhar!
Ele usou todas as ferramentas. Usou o serrote, o martelo, o esquadro, a lixa, a plaina, os pregos, o martelo, a chave de fenda, a cola e o verniz para deixar o móvel brilhando….
Enfim ele acabou. Chegou o fim do dia o carpinteiro estava cansado, mas feliz com o que tinha feito! Seu trabalho com as ferramentas tinha ficado ótimo!
O carpinteiro foi para casa. Enfim, as ferramentas voltaram a conversar. Só que agora elas ficaram admirando o que o carpinteiro tinham feito com todas juntas.
Elas chegaram a uma conclusão: Todas eram importantes aos olhos do carpinteiro. Ele usou todas! Sem exceção! E o movél tinha ficado lindo!
Elas descobriram que quando todos trabalham juntos tudo fica melhor!

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

“Ensinando os Pequeninos” de 0 a 3 anos



Do nascimento até os 3 anos de vida, a criança passa por um processo de desenvolvimento em todos os níveis: físico, emocional, motor, de fala, etc. Por isso os conceitos sobre Deus, sobre amor, sobre ...
Jesus, já devem ser introduzidos nessa fase. É um algo muito errado pensar que crianças dessa faixa etária (principalmente de 0 a 1 ano) devem ficar somente em berçários com as mães, durante o culto. Nessa idade, a criança ainda não pode compreender com profundidade conceitos como o de salvação, mas a terra deve ser preparada para que a semente venha e seja germinada.

Como ela aprende?

O processo do desenvolvimento da inteligência é chamado, por Piaget, de estágios do desenvolvimento cognitivo. O ser humano passa por quatro estágios: sensório-motor (0-2 anos), pré-operacional (2-6 anos), operacional concreto (7-11 anos) e operacional formal (a partir dos 11/12 anos). No sensório-motor, o bebê demonstra inteligência, desejo, através dos movimentos, e é capaz de perceber a realidade (tudo que o cerca) por meio de órgãos dos sentidos. O bebê se comunica então, não através da fala, mas dos movimentos. Tudo que ele vê, ouve e sente fica em sua mente, por isso é essencial fazê-lo ouvir de Deus já nessa idade.

Como devem ser os educadores de bebês?

A principal característica do educador é cuidar ensinando e ensinar cuidando. Esse educador também visa estabelecer um relacionamento com os pais para acompanhar o desenvolvimento do bebê; isso pode ser feito através de visitas, de reuniões ou de cartas aos pais. Na minha igreja, os professores sempre faziam uma reunião com os pais assim que entrava uma criança nova na sala, para explicar as regras e os tipos de lições que as crianças iam fazer (não nesse caso dos bebês). É importante estabelecer regras com os pais, principalmente nessa idade. As mães sentem que precisam ficar com os bebês DENTRO do berçário, o que atrapalha muito o trabalho dos professores, principalmente se a sala for pequena. Diga às mamães que quando os bebês precisarem mamar ou coisas do tipo, que você as chamará no culto. Caso contrário, diga que elas podem assistir ao culto despreocupadas, que você cuidará das necessidades do bebê (esteja preparado para trocar fraldas, fazer mamadeiras [se necessário, geralmente as mães trazem prontas], ninar, e etc. Essas atividades também são responsabilidades suas enquanto o bebê estiver em sua sala).

É importante que um mesmo educador (ou time de educadores) permaneça com a mesma sala durante, no mínimo, 6 meses, para que os bebês já os reconheçam e sintam-se seguros com eles.

Uma dica é que vocês se vistam sempre confortavelmente (aliás, para dar aula para qualquer idade). Evite saltos altos, calças sociais, ternos, etc, mesmo que o culto seja à noite. Sapatos baixos e cabelos presos são indispensáveis (lembre-se que bebês gostam de pegar coisas e puxá-las, por isso, evite brincos grandes, colares e cabelos soltos).

Quais os principais cuidados que o bebê necessita?

Fisicamente, ele precisará ser alimentado, e provavelmente você terá que trocar fraldas, dar remédios e coisas do tipo. Não se esqueça de perguntar às mamães o que o bebê precisa, e peça que ela te dê aquelas bolsas onde carregam os objetos do bebê, pra você manter dentro da sala. Emocionalmente, o bebê precisa se sentir protegido e amado, receber atenção através de conversas, cânticos, ouvir o nome dele, etc. Espiritualmente, o bebê precisa da salvação que há em Cristo Jesus (“Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus“ Rm. 3.23), e é papel do professor começar a ensiná-lo sobre isso, ainda que seja através de cânticos.

O Ambiente

 


A sala do berçário deve ser um lugar claro, arejado, com berços e trocadores. De preferência, as paredes devem ser pintadas de cores claras, que transmitam calma aos bebês. Se possível, o chão deve ser revestido com algum material (pode ser um tapete como o da foto no início do Post ou esse circular dessa foto) para que os bebês não tenham contato direto com o chão (que pode ter sujeiras e é muito frio) enquanto brincam. Mantenha os brinquedos em caixas, e fora do alcance dos bebês. É aconselhável, também, que haja uma pia para que os professores mantenham suas mãos sempre limpas (e porque acidentes acontecem MUITO nessa idade, rs).

Material
 

 Vou colocar aqui pra vocês dois materiais que eu já usei. Existem várias editoras cristãs que produzem materiais para crianças, mas como eu nunca usei, prefiro não falar. Esses eu usei e posso dizer que são muito bons, cheios de figuras e bem coloridos. Ambos vêm com um livro para os professores. A única diferença é que o da SOCEP vem com figuras + atividades manuais e o da Cristã Evangélica não tem atividades manuais, só o livro do professor e as figuras (para recortar e contar a aula).

Momentos da aula

Aconselho que a aula seja dividida em três partes (você precisa adaptar sua aula de acordo com o tempo que lhe é dado. Se você for ficar com eles somente durante as pregações, deve ter em torno de uns 40 min./1 hora. Se for durante a EBD, deve ser entre 1hr/1h30min).

Durante a chegada dos bebês, mantenha sempre um brinquedo à mão, para “convencê-los” a separarem-se das mães e ficarem no berçário. Distraia-os com os brinquedos um tempo e depois os coloquem sentadinhos no tapete (os que estiverem dormindo NÃO DEVEM SER ACORDADOS [estou dizendo por que tive uma experiência certa vez em que acordaram os bebês para as atividades e eles ficaram manhosos e irritados a aula toda]. Deixe-os dormindo no bercinho e quando acordarem junte-os aos outros nas atividades). Saiba que nessa idade, você não conseguirá fazer com que eles fiquem parados para ouvir histórias ou cantar. Por isso, deixe que eles brinquem o tempo todo, e durante os momentos todos (enquanto brincam, mamam, são trocados, ninados, etc.) cante sempre corinhos, ore, conte uma história breve. Eles estão absorvendo tudo, não se engane pensando que eles não vão entender nada.

Nunca deixe qualquer bebê sozinho! Por isso, é necessário mais de um educador nessa faixa etária (aliás, acho que o essencial é sempre ter mais de um educador por sala), para que nenhum bebê tenha falta de atenção.

Na hora da despedida, entregue o bebê aos pais e relate tudo o que aconteceu isso demonstrará que a criança foi bem cuidada.

Lembrem-se sempre que nessa idade, o que eles mais precisam é de atenção e cuidado. Por isso, descubra maneiras de introduzir a Palavra de Deus enquanto faz as atividades que um bebê necessita.

No amor de Cristo,

Francine Veríssimo
http://truthfaithlove.com/

terça-feira, 11 de setembro de 2012

Tempo para tudo










Aprendendo com os Bichinhos da Bíblia: A Mula




Lição 2: A MULA
Base bíblica

Instruir-te-ei e te ensinarei o caminho que deves seguir; e, sob as minhas vistas,te darei conselho. Não sejais como o cavalo ou a mula, sem entendimento, os quais com freiose cabrestos são dominados; de outra sorte não te obedecem. Salmos 32:8-9




 

Texto Pra decorar


: “...sejam obedientes, estejam prontos para toda boa obra...” Tito 3:1



Objetivos:

Quea criança ...

Tome a decisão de desenvolver um coração obediente.
Entenda que todo vencedor é obediente.
 



Quebra-gelo

: EU SOU OBEDIENTE!



Será distribuído entre os participantes uma lista com instruções a serem seguidas. Deverão serexortados a cumprir rigorosamente como está definido na lista. Entregue a lista a cada criança!!!
A lista é como segue:

1 Grite bem alto seu nome completo e dê trê s pulos, depois sente-se no chão.
2. Levante-se do chã o e imite um coelhinho saltando 5 vezes.
3. Dê um abraço em você mesmo e diga em voz bem alta: “Eu me amo demais da conta”
4. Abrace 4 crianças e diga: Jesus te ama!
5. Pegue na mão de outra criança e grite: “Você é mais do que vencedora!”
Agora se sente no chão, conte até dez em silencio e de olhos fechados em atitude de reflexão
8. Agora de olhos abertos, fique de pé, jogue suas mã os para o alto, e grite: “Eu sou feliz!”.
9. Agora golpeie no peito com as duas mãos gritando “Eu sou demais!”.
10. Sente-se no chão de pernas cruzadas e diga baixinho: Eu sou uma criança obediente.



Líder diga no final: A Obediência é a chave da bênção e vitória! Amem?
 
A MULA
Na semana passada falamos das formiguinhas perseverantes, esta semana falaremos da donamula. Você sabia que os pais da mula são o jumento e a égua (feminino do cavalo) dois animais de raças diferentes. Sabia que a mula não pode ter filhotes por causa da mistura das raças dos pais. Mas ainda assim é um animal muito apreciado no campo e em alguns lugares onde a tecnologia é muito cara.
A mula é um animal muito usado na bíblia desde os tempos do rei Davi. Ela é um animal muitobom para carga e para caminhar em lugares de pedras e montes. É um animal muito forte, resistente e trabalhador. E ainda que não gere filhos é muito desejada pelos lavradores, e pessoas do campo.
Mas ela tem um grande defeito, se ela não tiver freio na boca é muito desobediente.
Por isso o rei Davi nos aconselha na Bíblia que não devemos imitar o comportamento das mulas, que tem muita força, mas só obedecem se tem freio no cabresto.
O cabresto é uma corda com o formato da cara da mula que se coloca na cabeça para puxá-la e o freio é uma peça de metal que vai presa na boca do animal.
Imagine que a mula está solta no pasto, como o pião pega ela? Sim, com o cabresto, ele o coloca na cabeça e guia a mula pra onde ele quer. Mas o Freio vai dentro da boca do animal, e é de metal ele causa dor e incomodo na mula, e na hora que o pião mexe um pouquinho pra esquerda a mula já vira,também volta, fica quieta, em fim, com o freio a mula está completamente obediente e submissa ao seu cavaleiro. Ela obedece só por meio de força e da dor.
Bem que será que Deus quer nos ensinar com esta passagem bíblica? (deixe eles tentar responder)
Sim que devemos ser obedientes de coração sem precisar de castigos ou ameaças e até às vezes de apanhar.
Mas o que é ser desobediente? (deixe eles responder)
É deixar de fazer o que é pedido ou que sabemos que temos que fazer. É deixar de fazer o que pais e autoridades pedem. As vezes é até fazer o contrario.

Como podemos saber se uma criança esta agindo com desobediência?
 
Vejamos algumas características:
A mãe ou o pai tem que pedir ou mandar mais de uma vez as coisas. (Ir tomar banho, fazer o dever de casa, desligar a Tv e dormir, etc) As vezes o pai manda umas 5 vezes! Isso é
desobediência!
O pai ou a mãe o mesmo a professora tem que ficar ameaçando a criança para que ela obedeça.



Exemplo: Se você não desligar essa tv e vai tomar banho vai ficar uma semana sem sair pra rua!
Ou: Se você não comer a comida não tem sobre mesa, se não fizer a tarefa não anda de bicicleta.
Etc. Essa é uma criança que só obedece com o freio e o cabresto na boca. Só na marra!!! Que coisa mais feia!!!

Tem algumas crianças que se fazem de surdas quando o pai ou a mãe pedem alguma coisa.



Depois de varias horas dizem: Ah eu não ouvi me pedir isso!! Essa criança além de desobediente é mentirosa!

Uma criança desobediente sempre faz birra! Você sabe como é, ne? Para não obedecer
choraminga, grita, faz de conta que fica triste ou emburrada, na verdade devia ser em-mulada ne?



Criança birrenta é muito desobediente. E isso não agrada o coração do pai.

Uma criança obediente sempre se acha prejudicada quando pedem algo pra ela. Ela diz: Sempre eu!! Porque você não manda meu irmão! Devemos pensar que é um privilegio servir nossos pais!



  

Tem criança que apanha dos pais por desobedientes. Tenho certeza que, muitas vezes, seus pais
já lhe ensinaram, já lhe disseram como querem que você se comporte, como querem que você fale etc. Não é mesmo? E, às vezes, quando você não faz aquilo que eles esperam, a repreensão vem na hora, ou depois, quando chega em casa. A disciplina vem quando não obedecemos as ordens, a direção que nos é dada e nós não gostamos disso.
 



Todos nós gostamos de ser abençoados, elogiados, mas nem sempre queremos seguir as ordens.  Queremos a bênção, mas esquecemos que ela tem um preço. O preço é dispor o coração para servir e obedecer.
 
Você fazia algumas destas coisas, quais? Quer se arrepender hoje?
Quem aqui tem sido desobediente e a partir de hoje quer ser OBEDIENTE?
 
Um filho obediente sempre terá o amor, atenção de seus pais. Um filho obediente traz alegria aocoração dos pais. Um filho obediente é abençoado em todas as coisas, pois Deus se agrada muito dele.
Lembre-se, não seja como dona mula que somente obedece com freio na boca! Tenha um
coração disposto a obedecer!
Líder ore repreendendo a desobediência e ministrando arrependimento. Ministre o coração
obediente de Jesus nas crianças
 
Pastora Gabriela Pache de Fiúza
portalsementinhakids.com.

Atividades para colorir:


 


A Bíblia é o Livro do Papai do céu

Texto Bíblico: Êxodo 19.1 — 20.20
 
I - De professor para professor
Prezado professor, neste domingo as crianças terão a oportunidade singular de aprenderem que a Bíblia é a Palavra de Deus.
A palavra-chave da aula é “Bíblia”. Então, durante o decorrer da aula repita a frase: “A Bíblia é a Palavra de Deus.”
II - Para refletir
Por que os Dez Mandamentos eram necessários para a nova nação de Deus? Ao pé do monte Sinai, Deus mostrou ao seu povo a verdadeira função e beleza de suas leis. Os mandamentos foram criados para conduzir Israel a uma vida de santidade prática. Neles, o povo poderia ver a natureza de Deus e seu plano, segundo o qual deveriam viver. As ordenanças e diretrizes tinham em vista direcionar a comunidade a atender às necessidades de cada indivíduo, de maneira amorosa e responsável. Na época de Jesus, porém, a maioria das pessoas olhava para a lei de modo errado; viam-na como um meio de prosperidade, tanto neste mundo quanto no vindouro. Além disso, pensavam que obedecer a cada lei era o caminho para ganhar a proteção de Deus contra invasões estrangeiras e desastres naturais. Guardar a lei tornou-se um fim em si mesmo, e não o meio para cumprir a suprema lei de Deus, que é o amor.
 
Recurso:
 
 
 
 
Material:


Uma caixa de papelão pequeno
1 - Tesoura
2 - Cola
3 - Estilete
4 - Dupla face
5 - Papel cartão preto e dourado
 
 
Primeiro faça uma abertura na caixa, só na parte de cima, como na figura abaixo.
 
 


Depois encape ele com papel cartão preto, nas laterais cole papel dourado e faça letras escrito Bíblia Sagrada.
 
 
 
Depois que a Bíblia estiver pronto, agora é só preparar as imagens abaixo, imprima, recorte e coloque dentro da Bíblia. Rápido e fácil de fazer, boa aula.
 
 
CARTAZ DO VERSÍCULO CHAVE

 
LEMBRANCINHAS DO VERSÍCULO CHAVE
 


 

A criança no coração de Deus Copyright © 2011 Designed by Ipietoon Blogger Template and web hosting